Dia mundial da criança na EB de Vale Domingos

Jornal Escolar - O Lampião

No dia 2 de junho a nossa escola comemorou o Dia Mundial da Criança. Realizámos várias atividades dentro da sala de aula e no nosso ginásio, durante o período da manhã. Falámos sobre o significado deste dia e sobre os motivos que levaram à sua criação, em 1950.

Também analisámos aspetos importantes sobre o Regulamento Interno do nosso Agrupamento, principalmente os artigos 135º e 136º, referentes aos direitos e deveres dos alunos.

Depois do intervalo da manhã, tivemos uma aula de desportos de combate! No início da aula dialogámos sobre a importância de sermos disciplinados e de cumprirmos as regras estabelecidas. Logo a seguir, aprendemos algumas técnicas básicas de defesa e de ataque e algumas noções táticas (jogo da distância e jogo dos toques).

Depois do almoço realizámos vários jogos tradicionais e passámos a tarde no recreio da nossa escola, fazendo jogos divertyidos de velocidade, de equilíbrio e outros.

No…

View original post mais 24 palavras

Anúncios

Dia mundial da criança na EB de Vale Domingos

No dia 2 de junho a nossa escola comemorou o Dia Mundial da Criança. Realizámos várias atividades dentro da sala de aula e no nosso ginásio, durante o período da manhã. Falámos sobre o significado deste dia e sobre os motivos que levaram à sua criação, em 1950.

Também analisámos aspetos importantes sobre o Regulamento Interno do nosso Agrupamento, principalmente os artigos 135º e 136º, referentes aos direitos e deveres dos alunos.

Depois do intervalo da manhã, tivemos uma aula de desportos de combate! No início da aula dialogámos sobre a importância de sermos disciplinados e de cumprirmos as regras estabelecidas. Logo a seguir, aprendemos algumas técnicas básicas de defesa e de ataque e algumas noções táticas (jogo da distância e jogo dos toques).

Depois do almoço realizámos vários jogos tradicionais e passámos a tarde no recreio da nossa escola. Fizemos jogos de velocidade, de equilíbrio e outros jogos divertidos.

No final da tarde comemos uma bela gelatina e uma deliciosa espetada de gomas!

Foi um dia diferente, muito animado e do agrado de todos!

 

FESTA DE NATAL do 1º CEB na Fernando Caldeira

No dia 17 de dezembro realizou-se a festa de Natal dos alunos do 1ºCiclo da Escola Fernando Caldeira. A festa decorreu na sala dos alunos, das 9.30h às 11h e teve a colaboração dos professores das Atividades de Enriquecimento Curricular. Foram apresentadas canções, danças, peças de teatro e coreografias. Durante a festa esteve sempre presente o espírito natalício, expressado pelas crianças através do seu entusiasmo e alegria.

A partir das 11.15h, os alunos do 3º e 4º ano deslocaram-se ao auditório da escola para assistirem a uma cantata apresentada por alunos do 2ºCiclo.

As professoras
Cândida, Felisbela e Filomena

1º ciclo- arquivo

 

São Martinho

No dia nove de novembro comemorámos o São Martinho na nossa escola. Começámos por ver um powerpoint sobre a lenda de São Martinho e pintámos a história em banda desenhada.

Com os pacotes do leite escolar fizemos uns bonitos recipientes para colocarmos as  castanhas. Estes foram decorados com castanhas que pintámos, recortámos e colámos. Também colocámos um fio.

No exterior,  fizemos um magusto com todos os alunos e professores do 1ºciclo e algumas assistentes operacionais.

As castanhas foram assadas com muita caruma (agulhas) num grande assador. Depois, os professores distribuíram-nas e  colocámo-las nos pacotes que enfeitámos.

Que belo dia! Era o verão de São Martinho!

magusto1

magusto2

magusto3

magusto4

EB Fernando Caldeira – Turma 003 – 2ºano (Texto coletivo)

Projeto Gerações de Mãos Dadas

“Ninguém é tão pequeno que não tenha algo a ensinar, nem tão grande que não tenha algo a aprender.” (Esopo)

No dia 1 de outubro, “Dia do Idoso”, alguns alunos do 3º e 4º anos de escolaridade da EB + JI da Borralha foram, com a GNR e a Escola Segura, a casa de alguns idosos da Borralha dar conselhos sobre: saúde; segurança na rua e em casa; maneira de se defenderem contra burlas.

Estes conselhos são essenciais, porque, infelizmente, os idosos são os alvos mais fáceis e vulneráveis dos criminosos. Na palestra que ouviram na escola, os alunos aprenderam que, por dia, se cometem mais de dois crimes a idosos.

Os idosos gostaram muito de ouvir e ver as crianças disfarçadas de polícias a dar os conselhos.

Este projeto correu muito bem, revelando-se uma experiência enriquecedora para ambas as gerações.

Deve repetir-se outra vez, para o ano, com outras crianças e outros idosos.

Bruno, Francisco e Leonor -3º ano – EB Borralha

Magusto na EB de Recardães

Os alunos da Escola de Recardães, com a ajuda da educadora, das professoras e das auxiliares, fizeram o magusto no dia 9 de novembro de 2012.

Todos os alunos, da pré até ao 4º ano, se juntaram para celebrar o Dia de S. Martinho, fazendo o tradicional magusto. Escolheram o dia 9 de novembro, porque o dia 11 era domingo.

Nesse dia à tarde, no recreio, comeram castanhas assadas gentilmente oferecidas pela pastelaria “Alto de Recardães”. Estavam quentinhas e deliciosas!

Também não faltou a fogueira com caruma (agulhas), onde foram assadas, colocadas em cartuchos feitos pelos alunos e, finalmente, saboreadas por todos. Como é costume, a festa terminou com algumas caras enfarruscadas!

Alunos do 2º e do 3º anos (professora Aldina Dias – turma 033 – Recardães)

1   2

No dia 18 de abril de 2012, a turma do 1º e 3º ano foi fazer uma visita de estudo ao Museu do Pão Seia. Partimos da escola cerca das 9:15 minutos no autocarro da C.M.A junto com os meninos da EB da Castanheira, a sua professora e a auxiliar.

Por causa do tempo desagradável, o autocarro ia mais devagar e a viagem foi um pouco longa. Alguns meninos enjoaram por causa das curvas da estrada.

Finalmente, por volta das 11:05, chegámos a Seia, junto do Museu.

O nosso autocarro foi o 1º das escolas de Águeda a chegar. Logo tirámos o lanche e comemo-lo. Seguidamente, esperámos pelo comboio para nos levar, mas este estava avariado. Assim, subimos até ao Museu a pé.

Quando lá chegámos, estivemos à espera para entrar. Enquanto isso, alguns alunos foram à casa de banho. A casa de banho das crianças era muito bonita: tinha os lavatórios e as sanitas pequeninas e muitos desenhos nas paredes. Era muito colorida.

Depois fomos visitar a loja do Museu do Pão. Lá havia coisas deliciosas: pão com bocadinhos de chocolate, broa, pão de centeio, de trigo e de milho, queijo, chouriços, biscoitos, compotas, vinho, etc.

De seguida apareceu a senhora Cira para nos guiar na visita ao Museu. Era muito simpática. Começámos por entrar na “ Quinta mágica” onde havia uns bonecos articulados que contavam a história do pão, desde o cultivo da espiga ao cozimento do pão nos fornos (como se fazia antigamente). Depois os alunos foram amassar e fazer formas para decorar um boneco feito de massa de pão.

A visita continuou noutra sala que mostrava as mós de moer as farinhas e outras alfaias antigas de preparar o grão, tal como o trilho. Vimos também alguns instrumentos antigos para preparar a massa do pão e também a antiga “pasteleira”, que era a bicicleta onde o padeiro ia fazer a sua distribuição.

Posteriormente continuámos a visita num espaço onde havia várias placas com a palavra pão, escrita em várias línguas. Até em Braille, que é a forma de ler dos cegos. Vimos também montras com pães típicos do país.

Por fim, vimos um videoclip com uma música do ciclo do pão.

E assim acabou a nossa visita ao museu. Alguns meninos aproveitaram para fazer algumas compras e depois desceram para perto dos autocarros para ir almoçar.

Foi uma visita de estudo muito interessante.

Composição coletiva – 3º ano EB Giesteira (escrito no computador pela aluna Lara Brandão)

Click to play this Smilebox collage

Escritor Daniel Ferreira na EB1 de Águeda

No dia 11 de abril, no âmbito do Plano Nacional de Leitura e com o objetivo de fomentar o gosto pela leitura e pela escrita, a EB1 de Águeda recebeu a visita do escritor de histórias infantis, Daniel Marques Ferreira, natural de Macinhata do Vouga.

Assim, nas semanas que antecederam esta data e de forma a melhor preparar a vinda do escritor, os alunos deste estabelecimento fizeram pesquisas na Internet, analisaram os livros “A cobra cava-covas” e “100 histórias de (eu) cantar” do referido autor, elaborando diversos trabalhos.

Esta atividade resultou numa exposição de trabalhos diversificados que foram apreciados e elogiados pelo escritor.

Depois da sua apresentação, houve uma sessão de autógrafos e de perguntas sobre a sua vida e obra.

As professoras: Felisbela Rodrigues e Cândida Almeida

Mais uma notícia sobre o escritor Daniel Marques Ferreira na escola EB1 de Águeda 

No 2º período letivo lemos e explorámos, entre outros, o livro “A cobra Cava-covas” do escritor Daniel Marques Ferreira. Elaborámos um livro com desenhos que fizemos sobre as diferentes fábulas exploradas.

No dia 11 de abril o escritor veio à nossa escola. Ele falou connosco sobre alguns dos seus livros e respondeu a diversas questões que lhe colocámos. Leu-nos ainda uma história engraçada do livro “100 Histórias de (eu) cantar”.

No fim, realizou-se uma sessão de autógrafos onde o autor nos deixou um abraço e um beijinho…

Achámos esta atividade interessante! Foi a primeira vez que recebemos um autógrafo de um escritor!

Escola EB1 de Águeda (P3) turma 003 do 1ºano

Click to play this Smilebox collage

A nossa horta

No recreio da nossa escola, num canteiro, semeámos abóboras e feijões e plantámos cebolo e alfaces. Agora temos o cuidado de regar e acompanhar o crescimento das plantas! Irá ficar uma bela horta!

Turma 003 do 1ºano da escola EB1 de Águeda (P3)

 Click to play this Smilebox collage
A chegada da primavera!

Para comemorar a chegada da primavera, o dia da árvore, plantámos amores-perfeitos de cores variadas em pacotes de leite escolar que guardámos para o efeito.

Tivemos o apoio da nossa professora e de uma assistente operacional.

Foi uma atividade engraçada e muito divertida!

Turma 003 do 1ºano da escola EB1 de Águeda (P3)

 Click to play this Smilebox collage
Visitámos Alta Vila

No dia 21 de março, todos os alunos da escola EB1 de Águeda, do edifício das Chãs, realizaram uma visita ao parque Alta Vila, para comemorarem a chegada da primavera. Todos puderam apreciar a tranquilidade que aquele espaço oferece e desfrutar da harmonia entre as águas calmas do lago, a subtileza dos patos e o colorido da vegetação. Em grupos distintos, todos saíram de lá mais enriquecidos por tudo aquilo que a natureza lhes ofereceu.

Alunos, professores e assistente operacional

Click to play this Smilebox collage
Batido de fruta

No dia 20 de março, os alunos do 1.º ano da EB1 de Águeda, no edifício das Chãs, estiveram a confecionar batidos de fruta, com a ajuda da professora Fátima, do professor Pedro e da assistente operacional Glória. Foi um dia divertido e saboroso, porque depois da azáfama da confeção todos puderam deliciar-se com um ou mais copos de batido de fruta.

Alunos das turmas 001 e 002

Click to play this Smilebox collage

No âmbito do Projeto Eco-Escolas, a EB1 de Águeda construiu  a sua árvore de Natal, o seu presépio e vários enfeites com materiais reciclados. Para tal, utilizou caixas de ovos, jornais, garrafões e garrafas de plástico, rolhas de cortiça, entre outros materiais.

Felisbela Rodrigues

Realizou-se, em dezembro, na EB1 de Águeda, uma atividade natalícia organizada pela Câmara Municipal, que constou de um pequeno teatro de fantoches intitulado “ O Natal Perlimpimpim” e que foi recebida com muito entusiasmo e agrado por todos os alunos.

Durante esta atividade tivemos a presença de algumas entidades, nomeadamente a Câmara Municipal, representada pela Dr.ª Elsa Corga.

No final, todos os alunos receberam um pequeno presente das mãos do Pai Natal.

Felisbela Rodrigues

«O baú da Biblioteca chega à escola»

A leitura é uma janela aberta para a imaginação, para o sonho, para a criatividade e leva-nos a fazer viagens imaginárias para mundos fantásticos.

Assim, todos os anos vem à nossa escola uma senhora, que trabalha na biblioteca municipal Manuel Alegre, apresentar e dinamizar várias histórias.

Este ano, a D. Isabel Martins trouxe-nos um livro chamado «A coleção». Para animar este livro também nos trouxe inúmeras coleções e explicou-nos o significado da palavra coleção. Disse-nos também que qualquer um de nós pode ser colecionador.

Este livro conta a história de um menino chamado António Maria que, ao visitar, pela primeira vez, o museu com o seu avô, ficou fascinado com as peças expostas. Ele reconheceu-as como sendo iguais às do avô, que era alfaiate.

A partir desse dia decidiu tornar-se colecionador.

Através desse gosto conheceu e conseguiu comunicar com uma menina chinesa da sua turma, que não conseguia fazer-se entender junto dos seus colegas.

Concluindo, os livros, as histórias e até mesmo as coleções são meios de que nos podemos servir para alargarmos os nossos conhecimentos e amizades.

(Texto coletivo: 2º e 4º anos da EB de Giesteira    outubro de 2011)

Foi com muito orgulho que celebrámos o primeiro hastear da bandeira ECO-ESCOLA na nossa escola.

Estamos de parabéns pelo reconhecimento de todo um ano de trabalho em prol do meio ambiente.

Nesta cerimónia contámos com a presença da Dr.ª Elsa Corga, Vereadora do Pelouro da Cultura, de um membro da Direção do Agrupamento de Escolas de Águeda e de vários elementos pertencentes ao Eco-Conselho.

No decorrer da mesma, um grupo de crianças entoou o hino Eco-Escolas, ensaiado e coreografado pelo professor de música Rui Brito.

Obrigado a todos que colaboraram connosco neste projeto!

EB1 de Águeda

No Dia da Alimentação, nós, os alunos da escola de Assequins, fomos à padaria da Catraia para ver como se faz o pão. Cada um de nós fez um pão e o senhor padeiro colocou-o no forno. Esquecemo-nos de dizer que para irmos fazer o pão tivemos que colocar uma touca. Para fazermos o pão precisamos de farinha, água, sal e fermento. Enquanto o pão ficou no forno, nós voltámos para a escola e, hora e meia depois, a D. São foi buscá-lo. O pão ainda estava quentinho, era mesmo muito bom! Coitado do senhor padeiro! Dentro da padaria parecia mesmo um forno! Ficámos todos transpirados.

Neste dia ainda fizemos a roda dos alimentos em 3 dimensões com ajuda da professora Catarina.

Fizemos colares e pulseiras com massas e escrevemos Dia da Alimentação também com massas. A turma do 4ºano declamou poemas sobre frutos.

Foi um dia cansativo, mas muito divertido!

(Texto coletivo)

   

   

A EB1 de Águeda foi, pela primeira vez, galardoada com a Bandeira Verde Eco-Escolas, atribuída pela Associação Bandeira Azul da Europa – ABAE.

O galardão Bandeira Verde é o certificado de qualidade ambiental na escola, que simboliza o reconhecimento de um empenhado trabalho na área da Educação Ambiental, por parte dos alunos, professores e auxiliares, segundo a metodologia do Programa Eco-Escolas.

Não é um prémio monetário mas de reconhecimento público da existência, na escola, duma educação pelo ambiente. Pretende-se, desta forma, estimular o hábito de participação e adoção de comportamentos sustentáveis no quotidiano, ao nível pessoal, familiar e comunitário.

A entrega dos galardões decorreu no dia 7 de Outubro de 2011, em Oliveira de Azeméis, onde uma delegação da escola se fez representar.

Em representação da Câmara Municipal de Águeda esteve presente a Drª Célia Laranjeiro. A Câmara Municipal de Águeda assegurou o transporte de todas as delegações escolares do concelho, a fim de estarem presentes na cerimónia.

Felisbela Rodrigues

Saímos da escola às 9h. Quando chegámos aos bombeiros começámos a lanchar. Tivemos de fazer 2 grupos: o da nossa professora e o da professora Fabiana.

Primeiro fomos a uma sala-museu de bombeiros que tinha coisas antigas: fardas, máquinas de escrever e até carros de colecção… os que eu gosto!

Depois fomos ver uma biblioteca e um centro de controlo onde ligam para dizer que há um fogo. Nessas alturas toca uma sirene que pode ter 3 sons diferentes:  um quer dizer fogo urbano, outro quer dizer fogo florestal e outro é para salvar uma pessoa ou socorrer um animal. Serve para avisar os bombeiros como se devem preparar.

Depois fomos ver os carros que eles utilizavam para socorrer as pessoas, para os fogos florestais e fogos urbanos. Os carros que eles tinham eram: uma ambulância do INEM, uma ambulância com equipamento para mergulhadores, carros bombeiros e até barcos insufláveis salva-vidas. Eu e os meus colegas entrámos num carro antigo de bombeiros. A seguir entrámos num camião de bombeiros e numa ambulância. Vimos também alguns camiões auto-tanque de bombeiros; um levava 10 kl, outro 28 kl e outro 16 kl.

Gostei muito da visita ao quartel de bombeiros. Aprendi muito!

Jorge André / Turma 17-I / 4º ano

EB1 de Águeda

No dia 13 de Maio de 2011 fomos ao Centro Multimeios de Espinho. Deslocámo-nos de autocarro e saímos da escola às 9h15min., acompanhados pelas professoras e auxiliares. Quando chegámos a Espinho, lanchámos e brincámos num parque, enquanto aguardávamos a hora de entrada no Centro Multimeios. Entretanto, entrámos no Centro Multimeios e dirigimo-nos ao Planetário. Sentámo-nos numas cadeiras confortáveis, ouvimos as explicações e recomendações dadas por um senhor que, de imediato, projectou um filme que se chamava “Acampar com as Estrelas”. Neste filme vimos constelações, estrelas, galáxias, planetas, buracos negros…, a partir de uma história passada entre alunos e professor, num acampamento. Quando terminou o filme fomos almoçar, num jardim, à entrada do Centro e, como sobremesa, ainda comemos um delicioso gelado! Por volta das 14h30min. fomos para o autocarro e regressámos à escola.

Esta visita foi interessante e enriquecemos os nossos conhecimentos sobre o Universo.

Turma 014- 4ºAno EB1 de Águeda (Chãs)

No passado dia 31 de Março realizou-se na EB1 de Águeda (P3) o “Jogo da Viagem ao Conhecimento”, organizado pela CP em conjunto com a escola. A actividade consistiu na realização de um jogo da glória, cujas questões estavam relacionadas com transportes e meio ambiente.

Os alunos concorrentes mostraram interesse e empenho, sendo apoiados e encorajados pelos restantes colegas.

No final, todos foram agraciados com brindes oferecidos pela CP.

Esta actividade lúdica proporcionou um dia diferente na aprendizagem dos alunos.

EB 1 Águeda

          

De modo a promover a preservação do ambiente, a cidadania e a qualidade de vida, a Escola EB 1 de Águeda está a incrementar um projecto intitulado “À Flor da Terra” que visa proporcionar o desenvolvimento de acções pedagógicas, permitindo explorar a multiplicidade de formas de aprender.

Com este projecto a escola está a desenvolver uma pequena horta no seu espaço envolvente e a embelezar o mesmo.

A horta inserida no ambiente escolar é um laboratório vivo que possibilita o desenvolvimento de diversas actividades pedagógicas em educação ambiental e alimentar, unindo teoria e prática de forma contextualizada, auxiliando no processo de ensino e aprendizagem e estreitando relações através da promoção do trabalho colectivo e cooperativo entre os agentes educativos envolvidos.

É ainda um instrumento pedagógico capaz de integrar aprendizagens significativas no quotidiano dos educandos, onde se aprende muito mais que plantar. Nela é possível tomar consciência que para receber é preciso entregar.

        A turma nº38 do 4º ano da EB1 de Recardães participou no concurso “Conta-nos uma história”.  Apesar da história com que concorreram não ser original, a sua gravação áudio é. Foi feita com os alunos e todos os sons são produzidos por eles.

A pequena Não

  
                 Foram realizadas duas sessões: na primeira, participaram os alunos de duas turmas dos 3º e 4º anos, juntamente com os alunos do Jardim de Infância e na segunda participaram os alunos das três restantes turmas da escola (1º, 2º e 4º anos).                Estas sessões de leitura, com a presença dos autores dos livros, é bastante motivadora para os alunos e ajuda a desenvolver neles o gosto pela leitura e pela escrita.
               No passado dia 23 de Fevereiro, a professora/escritora Mª Helena Pires esteve na Escola da Borralha para fazer a apresentação do seu novo livro «O Cantaautor». Ela explorou alguns poemas com a ajuda e participação dos alunos e dos professores. Alguns foram lidos, outros cantados e outros dramatizados.

  

Escola EB1 da Borralha – 4º ano (turma 31)

Professora: Mª Rosário Simões

No dia 3 de Março, no âmbito do Plano Nacional de Leitura, a autora açoriana Susana Teles Margarido veio à Escola EB1 de Águeda para a apresentação dos seus livros “Minha Querida Avó” e “Anjo do Lago”.

Esta actividade teve como principal objectivo fomentar o gosto pela leitura e pela escrita às 424 crianças da escola.

A plateia de pequenos ouvintes assistiu entusiasticamente à apresentação dos seus livros, bem como participou na sessão de autógrafos levada a cabo pela autora.

A fim de melhor preparar a vinda da escritora à escola, os alunos fizeram pesquisas na Internet e elaboraram diversos trabalhos que foram expostos no local da apresentação. Os trabalhos puderam ser apreciados por toda a comunidade escolar, bem como pela própria escritora que, sensibilizada, elogiou o trabalho dos alunos.

EB1 de Águeda

 

Nos dias 4, 5 e 6 de Fevereiro realizou-se, na Guarda, o  Seminário Nacional  Eco – Escolas 2010/2011, no qual  as professoras Felisbela Rodrigues e Manuela Martins estiveram presentes

No decorrer do seminário houve vários momentos de interesse, destacando a conferência proferida por Charles Hopkins, representante da UNESCO na área da Educação para o Desenvolvimento Sustentável.        Foram ainda apresentados os projectos que poderão ser desenvolvidos pelas escolas durante este ano lectivo: “ Escola da Energia”, “Brigada Verde em Florestas”, “Charcos com vida”, entre outros. Durante este seminário houve também momentos de partilha de saberes e experiências entre os professores presentes e os representantes de algumas autarquias que trabalham em parceria com as escolas.

O Chefe Índio Seattle dizia, em 1854, no “Manifesto da terra mãe”: “Ensinem às vossas crianças o que ensinamos às nossas: que a terra é nossa mãe. Tudo o que acontecer à Terra acontecerá também aos filhos da terra. Se os homens cospem no solo, estão cuspindo em si mesmos.”

EB1 de Águeda 

                     

        Chegámos à aula nº 100. É sempre motivo de festa.       

        No dia 18 de Fevereiro, sexta-feira, celebrámos a chegada à  centésima aula deste ano. Foi uma tarde de festa que até teve direito a bolo de aniversário, canção de parabéns, música, dança.                                       

 Turmas 37 e 38  (4º ano – EB de Recardães) 

  

  

A Escola é, hoje em dia, um local onde os alunos passam uma significativa parte do seu tempo, fazendo com que seja uma parte integrante da sua vida social e educativa. 

Com o propósito de fomentar as relações interpessoais, o respeito e o civismo, desenvolvendo assim a interacção dos associados desta comunidade (professor, pais e alunos) no sentido de melhorar a relação pedagógica, a turma 8 do 2º ano da P3, a exemplo do que já aconteceu noutras ocasiões, promoveu um jantar de Natal que se realizou no passado dia 18 de Dezembro no restaurante “ O Regalo da Dona Pança”, onde para além da boa comida, o divertimento e convívio foram salutares.

Ana Paula Silva – representante dos Encarregados de Educação da turma 8

        No dia 14 de Dezembro de 2010 fomos ao circo com o professor Pedro, restantes professores da Escola e colegas das outras turmas.  Fomos de autocarro e regressámos a pé. A tenda do circo estava situada junto ao pavilhão do Gica. Quando lá chegámos, fomos recebidos por senhores e senhoras que estavam vestidos de Pai Natal. Estes, ofereceram-nos, à entrada, um gorro de Pai Natal e à saída um saco com pequenas recordações. Entrámos e sentámo-nos de forma educada, respeitando todas as pessoas que lá se encontravam. De seguida, deu-se início ao espectáculo com duas senhoras a fazerem exercícios e habilidades com arcos. Entretanto, entrou o palhaço William que nos fez bater palmas e os pés. Rimo-nos muito com a sua actuação. Seguiu-se então, uma senhora que se equilibrou numa bicicleta que estava em cima de dois candeeiros com forma esférica. Depois, o palhaço William, entrou de novo com um rádio, dançando ao ritmo da música. Posteriormente, apareceu um senhor e uma senhora que fizeram equilibrismo em cordas. Depois veio um número em que entravam dois leões-marinhos. Todos nós gostámos desta apresentação. Quem nos proporcionou o espectáculo foi a Câmara Municipal de Águeda e a Caixa de Crédito Agrícola Mútuo.

Gostámos muito de ir ao circo e gostaríamos que no próximo ano lectivo houvesse de novo.

Turma F (4º Ano) Escola das Chãs

 

No âmbito do Projecto Eco-escolas, a turma 016, do 4º ano, da escola E.B. de Águeda (Chãs), construiu uma pequena árvore de Natal com material reciclado (cápsulas de café).

A EB1 de Águeda está a desenvolver diversas actividades  no âmbito do Programa Fruta Escolar.No início deste ano lectivo e com a colaboração da Junta de Freguesia, preparámos o terreno para aí plantar algumas árvores de fruto e produtos hortícolas. Instalámos já alguns canteiros com diversos produtos: cenouras, couves, cebolas, favas, alfaces …. e  plantámos uma laranjeira.Com estas actividades pretendemos estabelecer laços entre as crianças, o sector agricola e a terra, permitindo assim um maior conhecimento do mundo rural e da origem dos alimentos por parte dos alunos. Pretendemos também promover hábitos de consumo de alimentos benéficos para a saúde.

 

EB1 de Águeda

Para quem não acredita no espírito natalício, aqui vai um pequeno contributo de uma criança que ainda pensa nos outros… o verdadeiro espírito de partilha!

Querido Pai Natal,

Para este Natal quero pedir-te paz e alegria para todos. Queria que não houvesse guerra, queria que tu desses casas aos meninos pobres e comida e tudo o que precisam. Queria que tu me desses um relógio do BEM TEN e para a minha irmã queria que tu lhe desses uma boneca com tudo que precisamos quandosomos bebés.

Queria que tu desses ao meu pai um trabalho e à minha mãe uma mesa preta para a sala.

Obrigado.

Miguel Ângelo Felício Ferreira – 2ºano – EB1 Giesteira

  

        No dia 15 de Dezembro, fomos assistir a um espectáculo de circo, oferecido pela Câmara Municipal de Águeda. Na tenda estavam muitos meninos.

Apareceu um senhor que deu início ao espectáculo. Foram surgindo vários artistas (trapezistas, equilibristas, uma senhora que fazia malabarismo com arcos, …)

Um trapezista subiu, fez o pino e desceu, voltou a subir e fez outras habilidades. Havia também uma artista que se equilibrava em cima de uma bicicleta. A bicicleta estava lá no alto!!!

Terminadas as actuações, apareceram todos os artistas com a bandeira de Portugal. O apresentador levava uma diferente.

Sofia Almeida (turma 38 –EB de Recardães)

Este Natal foram novamente revividas as tradições da região, confeccionando um doce típico desta época do ano: filhós.

Os alunos participaram com alguns ingredientes, colaboraram na confecção e fizeram o registo da actividade.        Por fim, foi a parte mais deliciosa… a degustação em convívio.

Turmas 37 e 38  (4º ano – EB de Recardães)                      

        A nossa professora arranjou um cantinho para a nossa horta.

Fizemos a horta para aprendermos a plantar.

Nós semeámos favas, alhos  e plantámos couves e alfaces.

Um dia,  cavámos a terra, pusemos um espantalho e as auxiliares ajudaram-nos.

Nós vimos e ajudámos as auxíliares a plantar e semear.

Primeiro as plantas estavam pequeninas, depois cresceram um bocadinho.

Nós vamos ver as plantas a crescerem à medida que passa o tempo.

Gostámos muito de fazer a nossa horta. 

Texto colectivo – EB1 de Águeda (2º ano – Turma 7)

  

No dia 9 de Dezembro de 2010, a Escola EB1 de Águeda realizou o seu primeiro Conselho Eco-Escolas, composto pelos seguintes elementos: coordenadora do projecto da escola; professoras dinamizadoras; coordenador do Departamento do 1º Ciclo;  coordenador do Eco – Escolas Fernando Caldeira;  representante das assistentes operacionais;  presidente da Associação de Pais;  representante da Empresa Luxlumen;  representante da IPSS Bela Vista; presidente da Junta de Freguesia.

Deu-se início à reunião com a apresentação dos elementos presentes e uma breve explicação do que se pretende com o programa Eco – Escolas.

Seguidamente fez-se uma análise do resultado da Auditoria Ambiental -água, energia e resíduos – e procedeu-se à apresentação do Plano de Acção elaborado com base na mesma. Este plano foi aprovado por todos os presentes.

EB1 de Águeda

    

Visita de Estudo

        Na Estação Arqueológica do Cabeço do Vouga, com a ajuda de um arqueólogo, tomámos conhecimento de muitas informações importantes sobre o património histórico desta localidade.

Participámos nas escavações, sempre com orientação.

Foi muito interessante e aprendemos muito.

EB de Recardães – Turmas 37 e 38 (4º ano)

 

        No dia 23 de Novembro, participámos no Projecto “Plantar Portugal”.

Com a ajuda do senhor presidente da Junta de Freguesia, plantámos azevinhos, no espaço próximo da nossa escola.

Esta actividade recordou-nos a importância da Natureza nas nossas vidas e que devemos fazer tudo para a preservar.

EB de Recardães – Turma 38 (4º ano)

    

 

No dia 11 de Novembro, celebrámos o Dia de São Martinho, fazendo um magusto na nossa escola, onde participaram todos os alunos, incluindo os do Jardim de Infância.

No pátio da escola, na parte térrea, as assistentes operacionais fizeram um monte com agulhas e castanhas e atearam-lhes o fogo.

A fogueira era muito bonita. Ia ficando cada vez maior, até ficar com chamas muito altas, dando um enorme calor nas nossas caras. A certa altura, as  chamas começaram a diminuir até se apagarem e ficarem só as castanhas assadas.

Depois, comemos as castanhas que tínhamos no cartucho de papel e enfarruscámos as nossas caras. Alguns enfarruscaram também as caras dos colegas.

Assim acabámos o nosso magusto de que gostámos muito.

Turma 38 do 4º ano – EB de Recardães (texto colectivo)

  

    

No dia 15 de Outubro esteve na nossa escola um senhor que nos apresentou um Powerpoint sobre “A conquista do ar”. Ele trouxe consigo um pássaro em  plástico, vários tipos de aviões e um helicóptero telecomandado para vermos como funcionavam.

No início estivemos a dizer para que serviam os aviões e vimos que eram utilizados em muitas coisas, como por exemplo: no transporte de pessoas e mercadorias, para apagar incêndios, transportar doentes, praticar desportos aéreos…

Vimos também imagens dos primeiros aviões e que distâncias conseguiram percorrer. Ao mesmo tempo fomos registando no nosso caderno diário as curiosidades sobre este tema e fazendo desenhos.

Aprendemos coisas interessantes sobre os aviões!

 

(Turma 014 – 4ºano – Escola EB1 de Águeda – edifício Chãs)  

 

No dia 15 de Outubro, a D. Isabel veio da Biblioteca até à nossa escola e contou-nos três histórias.

Essas três histórias foram O caracol e a nuvemA galinha enche o papo Os três cágados.

Uma das histórias foi contada com sombras e música. As outras duas histórias foram contadas pela voz da D. Isabel. Nós gostámos muito de as ouvir.

 

Texto colectivo – EB1 de Águeda ( 2º ano – Turmas 7 e 8 ) 

 

Na sexta-feira, dia 15 de Outubro, comemorámos o Dia Mundial da Alimentação.

Analisámos um folheto que levámos para casa para ler com os nossos pais e falámos da importância de fazer uma alimentação variada: peixe, carne, ovos, legumes, fruta e outras coisas mais.

Fizemos uma roda dos alimentos com recortes de folhetos das lojas, que recolhemos em casa. Também trouxemos uma peça de fruta e fizemos uma salada de frutas com banana, maçã, pêssego, uvas, melancia, laranja e outras.

No fim todos comemos e estava deliciosa!

Texto colectivo – EB1 de Águeda ( 2º ano – Turmas 7 e 8 )

 

Cada vez mais, não basta ter acesso a bens alimentares, é necessário “saber comer”, o que implica saber escolher os alimentos e a quantidade adequada às necessidades diárias.

Os nossos hábitos alimentares precisam de ser orientados para uma alimentação saudável que é essencial para um normal desenvolvimento e crescimento, bem como para a prevenção de problemas de saúde ligados à alimentação.

Na EB e JI de Recardães, este tema foi abordado por todos, no dia 15 de Outubro.

Alunos, professoras e Assistentes Operacionais confeccionaram e degustaram gelados com produtos saudáveis (leite e frutas) e gelatinas com vários sabores.

 

Para além destes alimentos, as turmas 37 e 38 confeccionaram uma deliciosa sopa, com uma grande variedade de legumes trazidos pelos alunos.

 

 

Comemorámos o dia da alimentação no dia 15 de Outubro. Entre outras coisas confeccionámos uma salada e algumas espetadas com fruta. Cada um de nós trouxe frutos e com a ajuda de uma auxiliar e da professora fizemos uma saborosa salada. Foi uma actividade engraçada e divertida!Click to play this Smilebox slideshow

 

       

        No dia 5 de Outubro comemorou-se o Centenário da Implantação da República em Portugal. A Biblioteca Municipal Manuel Alegre, de Águeda, juntou-se às muitas celebrações que se fizeram por todo o país e organizou uma actividade com o nome «Bicicleta de República», para comemorar este acontecimento histórico. Assim, no dia 26 de Outubro, fomos à Biblioteca participar nesta actividade.

 

Escola EB1 da Borralha – 4º ano (turma 31); professora: Mª Rosário Simões 

  

 

No dia 1 de Outubro, festejou-se o Dia Nacional da Água na EB de Recardães. (Turma 38 – 4º ano)

Foram realizadas várias actividades, tendo como objectivo sensibilizar os alunos para a  necessidade de preservar e respeitar os  recursos hídricos.(Turma 37 – 3º e 4º anos)

 No dia 1 de Outubro conversámos sobre a importância da água, sobre a necessidade de a pouparmos e falámos de fontes poluidoras. Vimos também um Powerpoint com imagens interessantes sobre este tema.         Cada um de nós escreveu frases sobre a água e ilustrámo-las.        Por fim, organizámos as frases ilustradas e fizemos um belo cartaz colectivo.

 

Todos temos de poupar água! A água é um bem muito precioso!

Turma do 4ºano – 014 –  EB1 de Águeda

No dia 16 de Setembro, nós, alunos das turmas 37 e 38, deslocámo-nos à Quinta do Ferrão,  para assistirmos à vindima.

Quando lá chegámos, dirigimo-nos às vinhas, onde encontrámos vários agricultores.

Vindimar é colher uvas das videiras, com as mãos e com uma tesoura de poda.

Naquele terreno, havia muitas videiras, plantadas em carreiras, carregadinhas de uvas. As folhas eram verdes, mas algumas já se encontravam queimadas do sol.

Fizemos várias perguntas aos agricultores: Que instrumentos usavam para fazer o vinho? Como plantavam as videiras? Quanto tempo dura a vindima? Como fazem o vinho? …

Depois da vindima feita, as uvas são transportadas,, no tractor, para o lagar. Além de serem esmagadas com o esmagador, também podem ser esmagadas com os pés das pessoas. O sumo das uvas é o vinho. Fizemos pesquisa e ficámos a saber que há vários tipos de vinho (vinho tinto, vinho branco, champanhe, vinho verde, vinho do Porto, …)

Depois de pisado, o vinho vai para cubas ou pipas. Aí, fica a fermentar durante algum tempo e não se pode beber. É o vinho mosto. A tradição diz: “Pelo S. Martinho, prova o teu vinho “.

Aprendemos também que as pessoas cuja profissão é provar o vinho são os enólogos.

As visitas de estudo são sempre importantes, porque aprendemos cada vez mais.

EB1 de Recardães, 4º ano (texto colectivo)